Parlamentar

Despesas estão sob controle, afirma Miriam Belchior

11/11/2014 15:20 | Fonte:

-

A+ A-

As despesas do país com pessoal, previdência e dívida pública estão sob controle e os investimentos do governo em saúde, educação, infraestrutura e programas sociais continuam aumentando. Essa foi uma das afirmações da ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão (Mpog), Miriam Belchior, apresentadas a parlamentares nesta terça-feira, 11, em audiência pública na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO).

A presença do titular da pasta do Planejamento do governo federal para apresentar e defender o projeto da Lei Orçamentária Anual (LOA) para o ano seguinte é uma obrigação prevista em resolução do Congresso Nacional.

Miriam Belchior informou que o projeto da LOA para 2015 prevê crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 3%, o PIB total será de R$ 5,75 trilhões, o salário mínimo em janeiro de 2015 passará a ser de R$ 788,06 (aumento de 8,8%) e a inflação medida pelo IPCA ficará em 5%.

A ministra disse ainda que a receita total do governo será de R$ 1,46 trilhão, incluídos R$ 230 bilhões das transferências constitucionais obrigatórias para estados e municípios. As despesas totais em 2015 estão previstas em R$ 1,14 trilhão, sendo R$ 294 bilhões em despesas discricionárias, aquelas que o governo pode manejar livremente. O resultado primário para 2015, acrescentou a ministra, está previsto para ser de R$ 86 bilhões, ou 1,5%. Esse dinheiro é usado para compor o superávit primário, que tem por principal objetivo o pagamento de juros e a amortização da dívida do país.

De acordo com Miriam Belchior, as despesas do governo federal com Previdência Social, pagamento de pessoal e pagamento da dívida estão sob controle.

Superávit

Miriam Belchior afirmou ainda que o projeto de alteração da LDO deste ano, que chegou nesta terça, 11, ao Congresso Nacional, prevê diminuição do esforço de superávit primário por parte do governo federal. Ela disse que o objetivo da medida é compatibilizar a meta fiscal com “o atual ciclo econômico mundial, que é de redução das expectativas de crescimento da economia mundial”.

"O Executivo está comprometido em fazer o maior superávit possível, mas também em manter os investimentos e os incentivos de desoneração dos tributos das empresas. A situação brasileira é bastante confortável. É um dos poucos países do G20 que fizeram superávit em 2013", afirmou a ministra.

abortion real life stories abortion laws in the us abortion clinics rochester ny
abortion real life stories abortion pill costs abortion clinics rochester ny
why women cheat cheaters why married men cheat
abortion clinics in greensboro nc during pregnancy abortion vacuum
will my girlfriend cheat site cheat on my girlfriend
i want to cheat on my wife blog.artistamobile.com cheat on your spouse
why did my husband cheat trailblz.com cheated on my husband