Nos Tribunais

Iniciativa do TRF1 é reconhecida como Boa Prática do Poder Judiciário pelo CNJ

01/09/2022 09:55 | Fonte: TRF1

O TRF1 foi o primeiro a realizar uma sessão de julgamento 100% remota e um dos primeiros a fornecer atendimento ao cidadão de forma digital por meio de agendamento, Balcão virtual e Chatbot – Assistente virtual.

A+ A-

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) foi o primeiro órgão do Judiciário brasileiro a realizar uma sessão de julgamento 100% remota e um dos primeiros a fornecer atendimento ao cidadão de forma digital por meio de agendamento, Balcão virtual e Chatbot – Assistente virtual. Agora, essa iniciativa de oferecer “Serviços digitais no atendimento ao cidadão” foi reconhecida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) como uma boa prática do Poder Judiciário,e integra o banco do órgão desde o último dia 16 de agosto.

Aprovada durante a 354ª Sessão Ordinária do Conselho para o eixo “Acesso à Justiça”, a iniciativa é mais uma ação do TRF1 a fazer parte do Portal CNJ de Boas práticas do Poder Judiciário. Em junho deste ano, no mês em que normalmente se celebra o Dia Mundial pelo Meio Ambiente, um projeto da Justiça Federal da 1ª Região (JF1) no Amapá também foi aprovado para integrar o banco do CNJ, no eixo “Sustentabilidade e Meio Ambiente”.

O Robô de Atendimento por WhatsApp Jeffinho e o Descomplica INSS – Inversão de Fluxo de Processos e Automação de Cálculos de Acordos Previdenciários também são exemplos de iniciativas da 1ª Região reconhecidas pelo CNJ como contribuições para o aprimoramento da gestão e da prestação de serviços do Judiciário.

A plataforma do CNJ foi criada para “receber, avaliar, divulgar e compartilhar a adoção de iniciativas exitosas realizadas por conselhos e tribunais da Justiça”, por meio de um ambiente virtual para submissão, análise e divulgação das boas práticas do Poder Judiciário.

Os serviços digitais do TRF1– A prática “Serviços digitais no atendimento ao cidadão” cria um canal único de atendimento utilizando inteligência artificial com capacidade de conduzir a formas de atendimento para suprir as necessidades das pessoas que procuram do Tribunal.

Os canais digitais de atendimento ao cidadão, que surgiram de uma necessidade de atender a população no período de restrições da pandemia, começaram a ser criados primeiramente pelo agendamento virtual. Posteriormente, foi criado o Balcão virtual com atendimento direto ao cidadão, via áudio e vídeo. E, por último, o Tribunal desenvolveu a Lucy – Assistente Virtual, que se tornou o principal canal de atendimento ao cidadão.

Hoje, a Lucy tem aproximadamente 20 mil acessos/mês e com índice de assertividade em 94%. O Balcão virtual está com aproximadamente 650 mil acessos, desde a sua implantação, em mais de 300 unidades da JF1. Somente no TRF1, no período de agosto a novembro/2021, as ligações telefônicas reduziram em 62% e os chamados caíram 28%.

Esses projetos também foram reconhecidos no Inova Norte, em julho deste ano, como exemplos de inovação.