Gerais

TRT-SC realiza segunda consulta pública sobre Planejamento Estratégico

28/01/2015 08:20 | Fonte:

-

A+ A-

O Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região (SC) está realizando mais uma consulta pública para auxiliar na elaboração de seu Planejamento Estratégico, que começa a vigorar neste ano até 2020. A intenção é coletar sugestões de ações para que a instituição atinja seus objetivos estratégicos, definidos em novembro, com base em pesquisa realizada junto à sociedade e ao público interno da instituição (magistrados e servidores).

Como na pesquisa anterior, foram disponibilizados dois links – um no portal do Tribunal, na seção Destaques, voltado para advogados e cidadãos, e outro na intranet, para magistrados e servidores. A consulta ao público externo é mais enxuta e busca saber quais ações o Tribunal deve implementar para alcançar os chamados objetivos estratégicos de resultado, ou seja, aqueles mais diretamente vinculados à missão institucional. Os participantes podem responder o formulário até o dia 20 de fevereiro.

O primeiro objetivo listado é assegurar a efetividade da prestação jurisdicional. Para sugerir ações, o participante deve levar em conta conceitos como a razoável duração do processo e a entrega efetiva do direito reconhecido em sentença judicial, associados ao bom gerenciamento dos recursos públicos.

No outro tópico da pesquisa externa, as ações sugeridas devem auxiliar o Tribunal a assegurar a qualidade de vida no meio ambiente de trabalho. Esse objetivo estratégico representa a possibilidade de atuação da instituição para melhorar as relações de trabalho em Santa Catarina. As sugestões serão compiladas e discutidas na próxima reunião do Comitê de Gestão Estratégica, que deverá ocorrer no final de fevereiro.

Pontos fortes e fracos

Na primeira consulta pública realizada em outubro, em que o público externo fez um diagnóstico do Tribunal, 64% dos participantes consideraram que a celeridade na prestação jurisdicional é o ponto forte da Justiça do Trabalho catarinense.

A divergência jurisprudencial excessiva, por seu turno, foi apontada como o principal ponto fraco para 47% do público externo que respondeu à pesquisa. Com base nesse resultado, o Comitê de Gestão Estratégica instituiu em novembro um objetivo estratégico que busca gerir as demandas repetitivas e também aquelas movidas por grandes litigantes, considerados focos de divergência jurisprudencial.

abortion clinics in greensboro nc abortion clinics in the bronx abortion vacuum
after an abortion terminating early pregnancy las vegas abortion clinics
how to cheat on husband I cheated on my girlfriend catching a cheater
how to terminate a pregnancy naturally centaurico.com abortion clinics in oklahoma
how to cheat on my husband read cheaters