Brasiliana Fotográfica disponibiliza mais de 2 mil imagens para consulta on-line

24/07/2015 11:33
A+ A-

A Avenida Paulista, em São Paulo, com apenas uma pista e toda arborizada, os trilhos do bonde na Avenida Primeiro de Março, no Rio de Janeiro ou a praia de Botafogo sem nenhum prédio. Essas e outras imagens que hoje parecem tão distantes da realidade estão disponíveis para consulta no site Brasiliana Fotográfica, desde o seu lançamento, no mês de abril deste ano.

Registro da Avenida Paulista, na capital de São Paulo, feito em 1902 pelo fotógrafo Guilherme Gaensly e disponível para consulta no portal Brasiliana. Crédito da foto: Brasiliana Fotográfica e Fundação Biblioteca Nacional

Brasiliana é um baú virtual com mais de 2 mil imagens de cidades brasileiras, algumas capitais e outras do interior do Brasil, de pessoas, construções e momentos históricos, desde o fim do século XIX, até a primeira metade do século XX. O portal é o resultado de uma parceria entre o Instituto Moreira Salles e a Fundação Biblioteca Nacional e foi criado para dar visibilidade, fomentar o debate e a reflexão sobre os acervos fotográficos que se configuram como patrimônios digitais e são utilizados como fontes primárias para muitas pesquisas, tanto pessoais quanto acadêmicas.

Uma das imagens do site foi amplamente divulgada no mês de junho: o escritor Machado de Assis foi identificado na foto da Missa Campal realizada no Campo de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, no dia 17 de maio de 1888. Na foto, o escritor aparece acompanhado de autoridades políticas e religiosas, como a Princesa Isabel, durante a cerimônia que reuniu milhares de pessoas na semana em que a escravidão foi abolida no Brasil.

A ferramenta que permite identificar o escritor é uma das facilidades e novidades do site: com o zoom é possível conferir detalhes das imagens que poderiam passar despercebidos no tamanho original. Além dos assuntos de cada foto, o portal indica o ano em que a imagem foi feita, o autor, se não for desconhecido e o tipo do material utilizado, local e a fonte. No caso da foto da Missa Campal, as imagens eram impressas em superfícies de prata.

Também é possível, registrando-se no site, selecionar imagens e direcioná-las para grupos que o próprio usuário cria, compartilhando as seleções com outras pessoas ou em redes sociais. Assim, a Brasiliana Fotográfica amplia as possibilidades de pesquisa, especialmente à distância, sem que o interessado de outras cidades precise, necessariamente, deslocar-se até o Rio de Janeiro.

Para navegar, acesse o portal e faça a busca de acordo com a data, o autor, o assunto ou o local. 

*Com informações do IMS

why did my husband cheat trailblz.com cheated on my husband
wife wants to cheat go why do i want my wife to cheat on me

A Avenida Paulista, em São Paulo, com apenas uma pista e toda arborizada, os trilhos do bonde na Avenida Primeiro de Março, no Rio de Janeiro ou a praia de Botafogo sem nenhum prédio. Essas e outras imagens que hoje parecem tão distantes da realidade estão disponíveis para consulta no site Brasiliana Fotográfica, desde o seu lançamento, no mês de abril deste ano.

Registro da Avenida Paulista, na capital de São Paulo, feito em 1902 pelo fotógrafo Guilherme Gaensly e disponível para consulta no portal Brasiliana. Crédito da foto: Brasiliana Fotográfica e Fundação Biblioteca Nacional

Brasiliana é um baú virtual com mais de 2 mil imagens de cidades brasileiras, algumas capitais e outras do interior do Brasil, de pessoas, construções e momentos históricos, desde o fim do século XIX, até a primeira metade do século XX. O portal é o resultado de uma parceria entre o Instituto Moreira Salles e a Fundação Biblioteca Nacional e foi criado para dar visibilidade, fomentar o debate e a reflexão sobre os acervos fotográficos que se configuram como patrimônios digitais e são utilizados como fontes primárias para muitas pesquisas, tanto pessoais quanto acadêmicas.

Uma das imagens do site foi amplamente divulgada no mês de junho: o escritor Machado de Assis foi identificado na foto da Missa Campal realizada no Campo de São Cristóvão, no Rio de Janeiro, no dia 17 de maio de 1888. Na foto, o escritor aparece acompanhado de autoridades políticas e religiosas, como a Princesa Isabel, durante a cerimônia que reuniu milhares de pessoas na semana em que a escravidão foi abolida no Brasil.

A ferramenta que permite identificar o escritor é uma das facilidades e novidades do site: com o zoom é possível conferir detalhes das imagens que poderiam passar despercebidos no tamanho original. Além dos assuntos de cada foto, o portal indica o ano em que a imagem foi feita, o autor, se não for desconhecido e o tipo do material utilizado, local e a fonte. No caso da foto da Missa Campal, as imagens eram impressas em superfícies de prata.

Também é possível, registrando-se no site, selecionar imagens e direcioná-las para grupos que o próprio usuário cria, compartilhando as seleções com outras pessoas ou em redes sociais. Assim, a Brasiliana Fotográfica amplia as possibilidades de pesquisa, especialmente à distância, sem que o interessado de outras cidades precise, necessariamente, deslocar-se até o Rio de Janeiro.

Para navegar, acesse o portal e faça a busca de acordo com a data, o autor, o assunto ou o local. 

*Com informações do IMS

why did my husband cheat trailblz.com cheated on my husband
wife wants to cheat go why do i want my wife to cheat on me

Últimas