CNJ cria órgão central de comunicação para o Judiciário

09/09/2009 08:45 | Fonte:

-

Na última terça-feira, 8, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou a resolução que estabelece a política de comunicação do Judiciário. A medida cria um órgão central, responsável por integrar todas as ações dos tribunais, bem como alinhar às ações de imprensa aos conceitos da Justiça.

De acordo com o relator da proposta, conselheiro Milton Nobre, o órgão ficará incumbido de realizar ações internas e externas de comunicação. A medida também recomendará recursos permanentes para a criação de ações no setor.

A nova norma estabelece o Sistema de Comunicação do Poder Judiciário -formado pela assessoria de comunicação do CNJ como órgão central- coordenador das demais secretarias e unidades de imprensa.

O texto cria ainda o Comitê de Comunicação Social do Judiciário, de caráter consultivo, que será responsável por assessorar e definir os parâmetros de comunicação no Conselho Nacional de Justiça.

Fonte: Conjur

abortion real life stories abortion laws in the us abortion clinics rochester ny
why women cheat cheaters why married men cheat
why women cheat reasons why women cheat on their husbands why married men cheat
abortion clinics in greensboro nc abortion clinics in the bronx abortion vacuum
after an abortion website-knowledge.com las vegas abortion clinics
how to cheat on husband I cheated on my girlfriend catching a cheater
how to cheat on my husband read cheaters

Últimas