Acervo

CAE aprova projetos que limitam gastos com pessoal

06/12/2007 00:00 | Fonte:

-

A+ A-
A Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado aprovou nesta terça-feira, 04, dois projetos de lei que limitam os gastos públicos. O primeiro (PLS 611/07), estabelece que o aumento das despesas com pessoal entre 2007 e 2016 ficará limitada ao reajuste com base na inflação do período acrescido de 2,5% do aumento real da folha de pagamento. Caso o Produto Interno Bruto (PIB) do período a ser considerado seja inferior a 2,5%, ficará valendo o aumento do PIB.

"É um freio nos gastos correntes que impede o aumento com pessoal e abre possibilidades de ter mais investimentos", disse o presidente da CAE, Aloizio Mercadante (PT/SP).

Este projeto está na linha do PLP 1/07, do Executivo, que limita despesas com pessoal a 1,5% até 2016, contido no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), lançado pelo Governo em 22 de janeiro. A matéria está sob a relatoria do deputado José Pimentel (PT/CE), numa comissão especial.

O outro projeto aprovado hoje na CAE tem como referência uma mensagem enviada pelo então presidente Fernando Henrique Cardoso em 2000. A mensagem pedia a limitação global para os montantes da dívida consolidada da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios. De acordo com o projeto aprovado na comissão, a dívida da União só poderá chegar a três vezes e meia a receita corrente do Governo. Trata-se da Mensagem do Senado Federal 154, de 2000, que foi transformada em projeto de resolução do Senado.

As duas proposições irão a voto no plenário do Senado. Depois, serão examinadas pela Câmara dos Deputados.

Fonte: Diap
abortion real life stories abortion pill costs abortion clinics rochester ny
wife cheated on me now what dabbeltinsurance.com wife wants to cheat
wife cheated on me now what dabbeltinsurance.com wife wants to cheat
wife wants to cheat robertsuk.com why do i want my wife to cheat on me