Acervo

CCJ aprova teto salarial único para servidor público

21/09/2007 00:00 | Fonte:

-

A+ A-
A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania aprovou, na quarta-feira (19), a admissibilidade da Proposta de Emenda à Constituição 89/07, do deputado João Dado (PDT-SP), que institui um teto salarial unificado para todos os ocupantes de cargos públicos. Pela proposta, os vencimentos e subsídios deverão ser iguais para todos os servidores que exercem funções públicas similares na administração pública federal, estadual, municipal e do Distrito Federal.

A isonomia será aplicada também aos ocupantes de cargos eletivos, ou seja, vereadores, deputados estaduais e federais, senadores, governadores e presidente da República. O texto estabelece como limite o valor dos subsídios mensais dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), que atualmente é de R$ 24,5 mil.

O relator da matéria da CCJ, deputado Sérgio Brito (PDT-BA), apresentou parecer pela admissibilidade e destacou que a proposta atende a todos os requisitos constitucionais e regimentais, "passando pelo crivo das regras constitucionais invocadas, o que abre caminho para o curso de sua regular tramitação".

Discriminação
Para o autor, o sistema de remuneração existente no Brasil atualmente é injusto e discriminatório. "Não se constata, por mais que se examine a matéria, razão suficiente para diferenciar os servidores estaduais e municipais dos federais", explica João Dado. Segundo ele, o teto remuneratório deve ser o mesmo, qualquer que seja a esfera de governo.

Tramitação
Com a aprovação da admissibilidade, será criada comissão especial para avaliar o mérito da PEC, a qual deverá ser votada em dois turnos em Plenário.

Fonte: Agência Câmara
why women cheat reasons why women cheat on their husbands why married men cheat
will my girlfriend cheat site cheat on my girlfriend
how to cheat on my husband why men have affairs cheaters
wife cheated on me now what dabbeltinsurance.com wife wants to cheat
why did my husband cheat why my husband cheated on me cheated on my husband