Acervo

Gratuidade no acesso à Justiça do Trabalho poderá ser aprovada na CCJ

05/09/2007 00:00 | Fonte:

-

A+ A-
A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados (CCJ) poderá analisar esta semana proposta que pode conceder gratuidade no amplo acesso à Justiça Trabalhista àqueles que comprovarem rendimentos equivalentes a apenas dois salários mínimos. Trata-se do PL 3.706/00, que estava na pauta da semana passada mas que não foi apreciado.

De acordo com o projeto, de autoria do ex-senador Lúcio Alcântara (PSDB/CE), caberá aos presidentes das Varas do Trabalho e aos juízes de direito a possibilidade de conceder o benefício da Justiça gratuita.

O relator da matéria é o deputado Vicente Arruda (PR/CE) e seu parecer é pela constitucionalidade e juridicidade do projeto. O colegiado se reúne nesta terça-feira, 04/09, às 10h, o que se repete na quarta-feira e quinta-feira.

Audiência

Na quarta-feira, 05/09, o colegiado participará, às 14h, no plenário 13 do anexo II da Casa, de uma audiência pública com as comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI) e com o colegiado de Finanças e Tributação (CFT).

Será debatido o projeto que regula o funcionamento do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Fndct). São convidados: o ministro da Ciência e Tecnologia, Sergio Rezende, o presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), Marco Antonio Raupp, além do deputado e presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Armando de Queiroz Monteiro Neto.

Fonte: Diap
abortion real life stories abortion pill costs abortion clinics rochester ny
why women cheat why do men have affairs why married men cheat
abortion clinics in greensboro nc abortion clinics in the bronx abortion vacuum
how to cheat on my husband read cheaters